ADOÇÃO SOCIAL

A ADOÇÃO É UM ATO DE AMOR AOS ANIMAIS

Que tal escolher um novo amigo entre os peludos que estão abandonados e precisam de sua proteção? PETIEST incentiva a adoção social e torce para que, num futuro próximo, não exista nenhum pet sem dono. Na caminhada para escolha do seu novo amigo, é importante agir com amor e responsabilidade, pois esse é um compromisso de uma vida inteira. Em troca, você receberá amor incondicional e muitas alegrias.

O QUE SABER ANTES DE ADOTAR

Pré-requisitos

  • As pessoas da sua casa já aceitaram a ideia? Argumente bem com sua família antes e entenda se eles vão realmente aceitar o seu novo animalzinho. Hoje, infelizmente, esse é um dos grandes fatores que levam ao abandono. Então, antes de adotar, fale bem com a sua família.
  • Você tem tempo para cuidar do seu bichinho? É importante antes de adotar um animalzinho, saber se você terá tempo e disposição para cuidar e brincar com ele. Ao invés de adotar um animal para ser um guarda ou para simplesmente brincar com o seu filho, adote um novo amigo, um novo integrante da família.
  • Você já parou para pensar nos custos de ter um pet? Pense em quanto você terá disponível todos os meses para uma alimentação de qualidade, consultas periódicas ao veterinário, castração, vacinas.
  • Você está preparado para os próximos 10 ou 15 anos? Esse é o tempo que o seu pet provavelmente viverá. Dessa forma, você precisa ter um planejamento, saber se terá condições para cuidar dele depois de tanto tempo. Além de pensar no seu futuro, pense no futuro do seu pet.

Como escolher seu novo amigo

Escolha um cãozinho com energia igual ou menor que a sua.

Alguns animaizinhos podem ser mais “peraltas” do que outros, muitas vezes precisando brincar muito durante o dia e caso eles não gastem essa energia necessária, o alvo pode ser o seu tênis favorito ou o pé da mesa. Da mesma forma que crianças gostam de brincar, os animais também amam.

Não ignore cães velhinhos.

Eles precisam de amor e já estão mais maduros e estáveis do que filhotes. Como já estão em uma idade mais avançada, você não terá grandes surpresas quanto a personalidade dele, pois já está formada. Os velhinhos são uma excelente opção e o melhor, você estará fazendo o bem. Infelizmente, não são muitas as pessoas que olham por estes coitadinhos, já que filhotes e animais mais novos normalmente chamam mais atenção. Porém, você não precisa ser igual a maioria, não é mesmo? Faça o bem, adote um pet velhinho.

Não faça decisões baseadas em sua emoção.

Provavelmente, quando você for no canil, você ficará triste e muitas vezes assustado com o estado do cãozinho. É difícil resistir aos olhares tristes e solitários desses pobrezinhos. Porém, você não poderá mudar de ideia depois. Só adote se você realmente ter certeza que ele é perfeito para o seu lar e ambiente.

Evite filhotes com menos de 5 meses de idade se existem crianças na sua casa com menos de 7 anos.

Os filhotes possuem dentes de leite extremamente afiados e poderão causar acidentes não intencionais. Um outro bom motivo para evitar filhotes para crianças é o fato que muitas vezes a criança pode acabar machucando o novo integrante da família. Você sabia que filhotes de cães pequenos possuem ossos extremamente sensíveis? Uma boa opção é escolher um filhote de grande ou médio porte com mais de 5 meses de vida.

Você e seu pet sempre conectados
Onde estamos

Rua Gustavo Sampaio, 244/1301
Rio de Janeiro (RJ) | CEP. 22010-010 | Brasil

Facebook
Twitter

Se você adora animais, é especializado em banho e tosa e deseja ter mais clientes? Conheça PETIEST. Baixe o app! https://t.co/iIjeGoO4nY

Mais...

Scroll Up