Banho & Tosa

Todos que possuem um cão sabem o quão mal cheiroso ele pode ficar se não tiver uma higiene regular. O banho e tosa de cães são ferramentas importantes para manter a saúde do cãozinho e evitar problemas de saúde tanto do animal, quanto do seu dono. Pulgas, carrapatos e todo tipo de bactéria ou doença de pelos e pele podem ser facilmente evitadas para que o dono não precise gastar mais tendo que tratá-las.

É importante conhecer as características e hábitos do cão

Cada cão tem um tipo de pelagem e um tipo de necessidade de cuidados diferentes, é importante que o dono as conheça.

  • Cães de pelo longo necessitam de escovação regular para não causar nós. A tosa também é necessária em épocas mais quentes. Há pelos longos que vão dos mais finos aos mais grossos, quanto mais fino e liso o pelo do cãozinho, maior deve ser o cuidado com ele.
  • cães que possuem dupla pelagem – que, além dos pelos comuns, também possuem subpelos. Essa dupla pelagem é uma proteção extra que algumas raças possuem de acordo com a sua evolução e necessidade. Esses tipos de cães também necessitam de escovação regular, se tiverem pelos mais compridos, para evitar o acúmulo de pelos soltos.
  • Alguns cães possuem uma tendência maior a desenvolverem problemas de pele, nesse caso, o banho e a tosa são extremamente necessários para evitar que esses problemas se desenvolvam.
  • Há raças em que o cuidado com os olhos deve ser redobrado, pois elas tem uma predisposição maior a produzir bactérias nocivas. A limpeza diária é necessária.

Conhecer os hábitos do cão também é importante para saber quanto banho ele necessita e quão frequente deve ser a tosa do cão. Cães que costumam ficar muito tempo em ambientes externos tendem a se sujar com mais facilidade, e cães que vivem em apartamentos precisam de banhos mais regulares pelo cheiro.

Algumas dicas

Banho em filhotes deve ser dado após dois meses de vida, usando produtos próprios para eles. O banho em pet shop só é valido após seu cão ter sido vacinado e vermifugado, desse modo o primeiro banho dele será em casa. Alguns veterinários podem indicar banho, mesmo em casa, apenas após o termino das vacinas e vermifugação.
Além das chances de pegar doenças quando o filhote não tomou todas as vacinas, ele também corre o risco de ficar muito estressado na primeira experiência com banho, por isso o banho em casa é mais indicado, pois o dono pode acalmar seu cãozinho.
Se o dia do banho de seu cão ainda não chegou, mas seu cheiro está muito forte, uma opção é usar produtos de banho seco. O próprio dono pode aplicar e remover a sujeira superficial do pelo do pet, minimizando assim o odor até o próximo banho. Essa opção também é valida durante o inverno.
Aproveite o dia do banho para promover a limpeza de outras partes do corpo de seu cãozinho. Limpe os ouvidos para evitar o acumulo de cera, escove os dentes com creme dental e escova, próprios para cachorros, e apare as unhas de acordo com o crescimento das mesmas, mas apenas se souber o que está fazendo. Caso contrário só deixe as unhas do seu cachorro serem cortadas por profissionais, evitando sangramentos.
Sempre siga as recomendações do veterinário sobre quais produtos usar, com que frequência dar banhos, etc.. Se o cão apresentar pulgas e carrapatos consulte o veterinário para saber qual o produto ideal para o seu cão e como o utilizar.
Fonte: CachorroGato @ http://www.cachorrogato.com.br/cachorros/banho-tosa-cachorros/

MAIS SERVIÇOS

 

Você e seu pet sempre conectados
Onde estamos

Rua Gustavo Sampaio, 244/1301
Rio de Janeiro (RJ) | CEP. 22010-010 | Brasil

Facebook
Twitter

Se você adora animais, é especializado em banho e tosa e deseja ter mais clientes? Conheça PETIEST. Baixe o app! https://t.co/iIjeGoO4nY

Mais...

Scroll Up